23 de março de 2010

Um nível de francês terrível!!

Olha... achei mesmo que daria pra arriscar ir para a entrevista com um francês básico. Maaaassss.... não dá não.

Hoje fomos fazer nosso teste de nível no SENAC e cheguei a sentir vergonha de travar tanto!!
Eu consigo entender bem o francês, na minha cabeça consigo organizar um diálogo, mas na hora que abri a boca pra responder à professora...... vexame!

Como já mensionei antes, estudei francês por um ano, lá em 2004. Depois disso fiz 15 dias de intensivo com uma professora particular, só pra revisar o que já tinha estudado. Acreditei que seria fácil, responderia coisas simples, mas nem isso.

E quando a professora perguntou porque eu queria imigrar pro Quebec?! Resumi em três palavras: santé, éducation, et securité. Fiquei imaginando o que eu faria na entrevista de imigração com três palavras. Acho que enfiaria a cabeça num buraco ao perceber quão ruim eu estaria falando.

Bom, não sou a aplicante principal, então não devo me preocupar, certo? Errado! O Leonardo foi ainda pior! Ele nem arriscou fazer a redação, disse que não se lembra de mais nada. Fala a verdade, dá vontade de bater nele né? rs. A professora só não fez ele voltar para o basico 1, porque foi ela que deu o curso pra ele nas férias.

Sobre a minha avaliação, ela disse que fui muito bem, mas não usei o passado, que é conteúdo do basico 2. Fiquei pensando então: e se eu corresse atrás do que esqueci do passado? Talvez eu conseguisse entrar na turma de semi-intensivo de basico 3. Então até o fim do semestre já terias as 150 horas, e para garantir faria um intensivo de férias.

Minha intensão é tomar o lugar do Leonardo e falar mais que ele na entrevista. Nessa hora estou na maior dúvida: será melhor enviar os documentos com ele como aplicante, mesmo com esse francês mínimo, já que ele ganha uma pontuação bem acima da minha; ou devo eu ser a aplicante principal, e esperar o fim do ano pra me formar e ter um nível intermediário?

Depois dessa acordada que levamos nesse teste, acho que vamos segurar mais um pouco no envio dos nossos documentos. É melhor fazer as coisas com calma  para garantir que dê tudo certo. E enquanto isso, a ansiedade vai à mil!
Categories:

6 comentários:

Patitando disse...

Oi Fê, que pena... Mas pelo menos sabem no que precisam melhorar. A hora de dar um gás no francês é agora...
Na minha opinião, ainda vale a pena o Leonardo ser aplicante principal por conta da pontuação. Na hora da entrevista os dois falam...

Abraço!

César, Valéria, Lara e Anaclara disse...

Tivemos a idéia de imigrar pro Canadá em 2007, mas aplicamos apenas em agosto de 2008 porque queria aprimorar meu inglês. Foi a melhor decisão que eu tomei. Imigrar exige planejamento. Segurar um pouco e melhorar o francês vai ser ótimo pra vocês.

E a vida segue...

Igor (Projeto Canada 2012) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Igor (Projeto Canada 2012) disse...

Nessa hora tem que ter cuidado com a afobação e planejar com calma para não dar nada errado e acabar sendo mais frustrante do que positivo.

Dani disse...

Oi Fernanda!!

Não desanimem e tentem segurar a ansiedade, porque ela só atrapalha nessas horas!
Peguem firme nos estudos que vai dar tudo certo! To aqui na torcida!!! (tenho mta vontade de estudar francês, mas imagino que seja muuuito mais difícil que inglês né!)

Bjos

Diário Canada Brasil disse...

hihihihi, imagino aconteceu algo parecido conosco, kkkkkkk, mas não desista mesmo, nós não desitimos, só passamos um pouco de vergonha, viche!
http://diariocanada.blogspot.com
abraço.